Túmulos de famosos viram atrações turísticas no Brasil

O chamado turismo cemiterial tem derrubado preconceitos e temores e entrado no roteiro de cada vez mais pessoas ao redor de todo o planeta. Além de serem verdadeiros museus a céu aberto, com obras de arte belíssimas e de alto valor, os cemitérios também abrigam grandes personalidades e famosos das mais diversas áreas de atuação.

Túmulos de famosos atraem visitantes

No Brasil, a visita aos túmulos de famosos têm se tornado frequente mesmo fora de períodos como o Dia de Finados. O cemitério São João Batista, localizado na zona sul do Rio de Janeiro, é um dos locais que mais concentram personalidades que já partiram. Por lá estão sepultados nomes como Santos Dumont, Clara Nunes, Cazuza, Tom Jobim e Carmem Miranda. Também fica no Rio de Janeiro o Cemitério do Caju, outra necrópole com muitos famosos, e que proporciona o último descanso para Tim Maia, o sambista Cartola, Noel Rosa, Waldick Soriano, entre outros artistas.

Em São Paulo, o cemitério da Consolação concentra túmulos de escritores como Monteiro Lobato, Mário de Andrade e Oswald de Andrade. Ainda na capital paulista, o Cemitério Gethsêmani tem entre seus mortos famosos nomes como Hebe Camargo e Jair Rodrigues.

O Cemitério Campo da Esperança, localizado em Brasília, também faz parte deste roteiro. Há no local um jazigo destinado à família Kubitschek, que recebe centenas de visitantes o ano todo. Há também o túmulo da menina Ana Lídia Braga, assassinada ainda criança e que é considerada milagreira pelos populares.

Em Belo Horizonte, o Cemitério do Bonfim atrai homenagens dos visitantes para mortos como a menina Marlene, também vista como milagreira, e o túmulo do Padre Eustáquio, que recebeu a beatificação em 2006 – porém seus restos mortais não estão mais no cemitério. Outras lendas como A Loira do Bonfim também circulam entre as histórias mais famosa da cidade.

Além destes locais, muitos outros cemitérios do país têm buscado abrir suas alamedas para a visitação, desmistificando o ar sombrio que muitas vezes é imposto a estes locais, que no fim das contas guardam muita história e muita arte para a apreciação do público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here